segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Senhora das Dores

No peito, um coração marcado,
marcado pelas inúmeras dores da vida,
marcado pelas espadas que insistem em ferir.

Coração ferido,
o que ainda te faz bater?
Como pulsas,
mesmo depois da dor, da ferida e da cruz.

A certeza, a esperança,
o Reino;
aí está marca maior
do que todas as outras
por mais dolorosas que pareçam.

3 comentários: