terça-feira, 14 de setembro de 2010

Festa da Exaltação da Santa Cruz

A cruz, sinal do mais terrível entre os suplícios, é para o cristão a árvore da vida, o tálamo, o trono, o altar da nova aliança. De Cristo, novo Adão adormecido na cruz, jorrou o admirável sacramento de toda a Igreja. A cruz é o sinal do senhorio do Cristo sobre os que no Batismo são configurados a ele na more e na glória (cf. Rm 6,5). Na tradição dos Padres, a cruz é o sinal do Filho do Homem que comparecerá no fim dos tempos (cf. Mt 24,30). A festa da Exaltação da Santa Cruz, que no Oriente é comparada àquela da Páscoa, relaciona-se com a dedicação das basílicas contantinianas construídas no Gólgota e sobre o sepulcro de Cristo.
(Missal Romano, pp. 655-656)

--
P.e Maikel P. Dalbem, C.Ss.R.

Nenhum comentário:

Postar um comentário